Escrito por Priscilla

Beatles Para Crianças – será que meu filho vai gostar?

beatles_para_criancas

Eu escutei tanto falar no show Beatles Para Crianças que tive que ir lá ver como era, né? Já tinha mencionado eles aqui.

Comprei ingressos para a temporada no teatro Morumbi, do shopping com mesmo nome. Como a Coty ainda não tem dois anos, pagamos só os ingressos dos adultos (60 reais cada).

violao

No dia do show acho que fiquei mais empolgada que a Coty porque sou roqueira desde sempre e seria o primeiro show de rock dela. (ai que orgulho).

Antes de mais nada quero reforçar que aqui no blog eu escrevo sobre minhas impressões e opiniões pessoais. Dito isso, vamos falar da nossa experiência.

A apresentação acontece pontualmente às 15h. Só que justo nessa hora a Coty está no meio da sonequinha dela.

Ela já estava bem cansada quando a primeira campainha tocou. Tentamos colocar ela para dormir um cadinho antes do show, mas não teve jeito, né? Bebês são muito sensíveis quando mudamos a rotina.

Ainda assim entramos no teatro, sentamos na nossa cadeira (bem na frente do palco) e esperamos pelo show. Quando a última campainha tocou e o teatro ficou em silêncio, a Coty soltou a pérola: “Quem é?” E parte do teatro riu.

Bom, como estava contando, a Coty estava cansada, era o horário da soneca da tarde e nem preciso dizer o desfecho, né? Ela dormiu na terceira música do show.

Eu cheguei a dançar as 3 músicas com minha filha, mas conheço bem o olhar dela de sono. A Coty é uma criança tão bacana que não chora de sono. Só fica quietinha. Foi colocar a chupeta que ela se aninhou no meu colo.

coty_dormiu

Mas olha, o lado bom é que ela dormiu no meu colinho, coisa que a gente não faz em casa (ela dorme sozinha no berço). E eu pude ficar lambendo a cria por uma meia hora 🙂

De qualquer forma, o pouco que vi dos Beatles Para Crianças valeu bem a pena. Mas para crianças acima de 2 anos (ou mais).

Explico: achei a música e luzes muito fortes e instintivamente eu e meu marido tentávamos tapar os ouvidinhos da Coty. Não aconselho levar ao show antes dessa idade por conta dos estímulos um pouco agressivos para os pequenos.

De resto, seu filho vai gostar sim da atividade. A banda estimula logo de inicio os adultos a dançarem e interagirem com os filhos. Aliás, que fique claro: apesar da temática dos Beatles o show é um grande exercício de musicalização, consciência corporal e ritmos.

A banda também orienta sobre alguns gestos para que a audiência siga, como forma de expressão e coordenação.

Também há alguns instrumentos musicais simples que são usados pelo público para acompanhar as músicas. Eu vi porque estava muito perto do palco, mas não vi como foram usados porque nessa hora Coty já estava no 18o sono no meu colo, do lado de fora do teatro.

Uma coisa que eu não gostei é que por ser um teatro que recebe peças infantis, não achei o local preparado para crianças. Posso estar enganada, mas não vi trocador no banheiro e tive que proteger os olhinhos da Catarina porque a luz na antessala do teatro era extremamente forte, mesmo quando o show estava rolando e não tinha ninguém por lá. Minha sugestão é que para eventos infantis deixem o local mais preparado e aconchegante para crianças que podem ficar assustadas ou cansadas no meio do show.

diploma

No fim do show é dado um certificado de primeiro show de rock. Isso eu achei bem legal <3

Mesmo a Coty tendo dormido o show quase todo, peguei o certificado dela sim. Afinal ela foi no show. Se ela dormiu ou não são outros 500 (hahaha).

Vai lá e depois me conta o que achou 😉

Mas se sua praia é mais museu, então vem ver essas opções preparadas para receber visitas com bebês.

 

 

  1. Avaliação geral:

Deixe seu comentário

Enviar